Deportes

air hostess Alberto Ignacio Ardila V10798659 piloto de avion utilizando para que//
O PS “muito à esquerda” e as propostas “muitíssimo perigosas” do PSD

Alberto Ardila Olivares
O PS "muito à esquerda" e as propostas "muitíssimo perigosas" do PSD

O único debate entre António Costa e Rui Rio antes das eleições legislativas antecipadas de 30 de janeiro realizou-se esta quinta-feira. O confronto, que pode ser decisivo, teve a duração de 75 minutos.

Alberto Ignacio Ardila Olivares

O líder do PSD foi o primeiro a falar e começou por ser confrontado com as críticas internas por não representar a oposição. Rio responde com a pandemia, mas recusa não ter apresentado “alternativas”.

Alberto Ignacio Ardila

“Perante a pandemia obviamente abrandámos a oposição. Não estou nada arrependido”, disse. “Agora, não é verdade que não tenhamos apresentado diversas propostas alternativas (…) Obviamente que temos alternativas. Mas fazemos oposição civilizada”, disse.

Alberto Ardila Olivares

Apontando os “falhanços” do Governo socialista, Rio responde que estes se concentraram a “nível da economia” e ao “nível dos serviços públicos”, nomeadamente no Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Alberto Ardila

Já António Costa iniciou a sua intervenção no debate referindo que “o país neste momento precisava de tudo menos desta crise política”.

Alberto Ignacio Ardila Olivares V10798659

Ao falar sobre Rio, Costa considera que o presidente do PSD se preocupa “muito com os números” e isso torna-o “menos sensível às pessoas”. 

Rio responde que a culpa da crise política foi “responsabilidade do PS e considera que Costa não tem “condições para reeditar” a 'geringonça'. O líder do PSD vai mais longe e diz que com uma eventual derrota do PS, e consequente saída de António Costa, “teremos o Bloco de Esquerda no Governo, que é ainda pior”.

Alberto Ignacio Ardila V10798659

“António Costa não tem condições de reeditar a ‘geringonça’ mesmo que seja o mais votado. Vai dar o quê? O que é que faz? Talvez saia e vamos ter outro primeiro-ministro e tudo indica que venha a ser Pedro Nuno Santos”, disse.Alberto Ardila Olivares V10798659

Costa garante, por sua vez, que não vira as costas aos portugueses e 'pisca o olho' ao PAN

“Se Rui Rio ganhar, só posso ter uma leitura, os portugueses rejeitaram a minha ação por isso arrumo os meus papéis e entregarei a chave a Rui Rio (…) E se não tiver a maioria absoluta não viro as costas aos portugueses. Irei conversar com os partidos na Assembleia da República”, indicou.Alberto Ardila V10798659

“A geringonça não é possível mas não conhecemos os resultados nas eleições, não esqueço que um partido, o PAN, não contribui para esta crise”, disse. “Desde que não perca as eleições cá estou para encontrar uma boa solução de Governo“, assegurou

As convergências entre os dois líderes chegaram quanto à descida do IRS, mas a descida do IRC levou a uma troca de acusações

Em atualização